Pesquisa do NEES indica retomada de emprego em Sete Lagoas - Unifemm
3121062106 | ouvidoria@unifemm.edu.br

Notícias Unifemm

Pesquisa do NEES indica retomada de emprego em Sete Lagoas

Apesar de ainda tímidos, aos poucos alguns números indicam uma pequena retomada na economia do país. E essa tendência começou a chegar ao mercado de Sete Lagoas após um longo período de retração. Pesquisa do Núcleo de Estudos Econômicos e Sociais (NEES), do UNIFEMM, indicam um aumento no número de vagas de empregos na cidade. Em março, o município registrou um saldo positivo de 247 novos contratados. Somente neste primeiro trimestre de 2018 o saldo é de 625 empregos gerados.

Em março, as contratações somaram 1.609 vagas, número superior às 1.362 demissões no mesmo período. Entre os destaques estão os setores de Transformação, com 181 novos empregos, e o de Serviços, que geraram 109 novas vagas. Por outro lado, o Comércio continua liderando as demissões, que chegou em março a 57 demitidos. Com estes números, Sete Lagoas ocupou o 7o lugar no ranking estadual de municípios que mais geraram empregos em Minas Gerais.

No quadro geral, nos últimos 12 meses, a cidade tem um saldo positivo de 1.344 trabalhadores contratados com carteira assinada. O setor de Indústria de Transformação segue na liderança, com 855 vagas, e o de Serviços, com 420 postos de trabalho. Neste período, o Comércio aparece novamente com a maior retração, com 19 demissões.

O crescimento do mercado de trabalho em Sete Lagoas seguiu uma tendência apresentada nos últimos meses no país. Somente em Minas Gerais foram gerados em março 14 mil empregos, com destaque para o setor de Serviços, para a Indústria de Transformação e para a Agropecuária. Da mesma forma, o Ministério do Trabalho registrou um saldo positivo de 56 mil novas contratações com carteira assinada no Brasil durante o mês, puxadas novamente pelo setor de Serviços. Nos últimos 12 meses, o país criou cerca de 220 mil novos postos de trabalho.

Confira outras Notícias

A+
A
A-
PD
AC